Hybrid fala da Indústria 5.0 no novo normal dentro da CIF 2021

Automação e Indústria 5.0 têm relação direta e a Conferência Intercontinental de Flexografia quer mostrar como os convertedores podem ter processos mais ágeis e sem erros unindo as inovações tecnológicas e as capacidades do corpo técnico.

Para tratar de “O novo normal, um condutor importante para a Indústria 5.0”, a Hybrid Software leva para a CIF 2021 Carlos Arizpe, Diretor da América Latina da Hybrid, que vai falar sobre como as novas soluções terão um impacto enorme nas ações futuras de qualquer empresa.

Conversamos com Vlademir Cassiano, gerente comercial da Hybrid Software na América Latina, para saber mais sobre o tópico. Antes, Cassiano destaca a relevância do evento: “Todos os segmentos ficaram muito restritos no que se refere à interação devido à pandemia. E, como sabemos, a troca de informações e o contato com o público sempre é enriquecedor para todos os lados. A CIF sempre ofereceu uma plataforma de qualidade para atualização e networking e acredito que este ano o evento será ainda mais importante devido às condições de mercado. Clientes querem e precisam se atualizar, e os fabricantes têm novidades para mostrar”.

As expectativas para estar na CIF, mesmo que virtualmente, são muito grandes. “O segmento flexográfico cresceu durante a pandemia e isso foi muito bom para nós. Mas, como expliquei na resposta anterior, congressos e eventos não são apenas locais em que fazemos negócios; também são importantes espaços de troca de informações, contatos e prospecções. A CIF é organizada com qualidade, possui um conteúdo excelente e certamente agregará muito ao mercado”.

A Hybrid e o Brasil

Para a Hybrid, o Brasil é o maior mercado da América Latina ao lado do México, tanto pelo número e potencial de suas empresas, como também pelos consumidores em potencial que possui. Além disso, tem no país grandes players no segmento de convertedores, empresas que não abrem mão da tecnologia e da qualidade, com parque de pré-impressão e impressão de primeiro mundo.

A Hybrid vem apostando em suas soluções na facilidade de uso, acessibilidade e flexibilidade para criação, edição e impressão de conteúdo dentro do segmento flexográfico. “Por se tratar de um país continental, estruturar uma equipe no Brasil é sempre um desafio, mas hoje contamos com suporte técnico e venda consultiva de primeiro nível para atender às necessidades dos convertedores com ferramentas como o PackZ, que chegou à versão 7, Cloudflow e StepZ. Todas são soluções que extraem o máximo das facilidades do mundo digital, como edição e suporte nativo ao formato PDF, aplicações baseadas em nuvem e automação”, relata o executivo da Hybrid Software.

Soluções como a da Hybrid fazem a flexografia no Brasil avançar muito em qualidade e hoje, sem dúvidas, comenta Vlademir, “a flexografia hoje é uma realidade de sucesso, com qualidade e produtividade que já fizeram com que aqueles mais desconfiados, que afirmavam que a rotogravura era insubstituível, revisassem seus conceitos. É um caminho de crescimento, que deve ser potencializado não somente na pré-impressão, com soluções flexíveis como as que a Hybrid disponibiliza, como também no aperfeiçoamento dos processos de impressão convencional e com a chegada forte da impressão digital para agregar valor à produção”.